viernes, 26 de diciembre de 2008

Eu te amo

Você é um ser humano. É meu milagre. E é forte, capaz, inteligente. Cheio de talentos. Entusiasme-se com eles. Reconheça isso. Encontre-se consigo mesmo. Aceite-se.
Anime-se. Pense que a partir deste momento você pode mudar sua vida para melhor. Isso se assim você o quiser, se programar e se encher de entusiasmo para alcançar o seu objetivo... E, sobretudo, se perceber toda a felicidade que pode conseguir somente pelo fato de desejá-la.
Você também é minha grande criação. É o meu grande milagre. Não tenha medo de começar uma vida nova. Não se lamente nunca. Não se queixe, não se atormente. Não se deprima.
Como pode temer, se é meu milagre?
Você está dotado de poderes conhecidos para todas as criaturas do Universo. Você é único. Ninguém é igual a você. Você só pode escolher o caminho da felicidade. Eu o fiz perfeito para você aproveitar sua capacidade e não para destruí-la.
Eu lhe dei o poder de pensar e o poder de imaginar; o de amar e o de criar; o de rir e o de falar; o da vontade e o de escolher o melhor.
Eu lhe dei o poder de rezar e o poder de escolher seu próprio destino, lhe dei o meu maior presente – o livre arbítrio. Usando sua vontade eu o coloquei acima dos anjos.
O que você tem feito dessa imensa força?
Faça a opção de amar ao invés de odiar, rir ao invés de chorar, criar ao invés de destruir. Escolha perseverar ao invés de renunciar, elogiar ao invés de criticar, dar em vez de tirar, agir em vez de adiar, bendizer e não renegar. Prefira dar graças em vez de blasfemar. Viver ao invés de morrer miseravelmente à margem da verdade.
Aprenda a sentir a minha presença em cada ato de sua vida. Cresça a cada dia em otimismo e esperança. Abandone o medo e os sentimentos negativos.
EU SOU A LUZ e estou sempre com você. Chame-me. Busque-me. Lembre-se de mim. Vivo em você desde sempre, amando-o, e se você vier a mim encontrará o amor e a paz com que tanto sonha.
Tente tornar-se simples, inocente, generoso, doador, descubra sua capacidade de maravilhar-se com a criação e sinta-se humano...porque só você pode compreender uma lágrima ou a dor. Você pode conhecer o AMOR.
Lembre-se que você é meu milagre destinado a ser feliz, com misericórdia, com piedade, com alegria, com saúde, com prosperidade, para que esse mundo por onde você passa seja digno de você.
E, se você é meu milagre, use seus dons. Transforme a escuridão em LUZ. Modifique o lugar onde você vive, transmitindo às pessoas, esperança, alegria e otimismo. E o faça sem temor, porque ESTOU EM VOCÊ.

Autor desconhecido

"Hoy nos encontramos en una nueva fase de la humanidad. Todos estamos regresando a nuestra casa común, la Tierra: los pueblos, las sociedades, las culturas y las religiones. Intercambiando experiencias y valores, todos nos enriquecemos y nos completamos mutuamente. (…)

(...) Vamos a reír, a llorar y a aprender. Aprender especialmente cómo casar Cielo y Tierra, es decir, cómo combinar lo cotidiano con lo sorprendente, la inmanencia opaca de los días con la trascendencia radiante del espíritu, la vida en plena libertad con la muerte simbolizada como un unirse a los antepasados, la felicidad discreta de este mundo con la gran promesa de la eternidad. Y al final habremos descubierto mil razones para vivir más y mejor, todos juntos, como una gran familia, en la misma Aldea Común, bella y generosa, el planeta Tierra."

Leonardo Boff, Casamento entre o céu e a terra. Salamandra, Rio de Janeiro, 2001.pg09

Hacia un Socialismo Nuevo La Utopía continúa

¿Qué cambios hemos experimentado en función de las lecciones que nos ha dado la historia? ¿Qué actitudes, qué acciones son de esperar hoy de una militancia socialista? Nadie nace socialista, el socialista se hace. Personalmente y comunitariamente. Hay valores referenciales, eso sí, que son columnas maestras del socialismo nuevo: la dignidad humana, la igualdad social, la libertad, la corresponsabilidad, la participación, la garantía de alimento, salud, educación, vivienda, trabajo, la ecología integral, la propiedad relativizada porque sobre ella pesa una hipoteca social.

La Utopía continúa, a pesar de todos los pesares. Escandalosamente desactualizada en esta hora de pragmatismo, de productividad a toda costa, de postmodernidad escarmentada. La Utopía de que hablamos la compartimos con millones de personas que nos han precedido, dando incluso la sangre, y con millones que hoy viven y luchan y marchan y cantan. Esta Utopía está en construcción; somos obreros de la Utopía. La proclamamos y la hacemos; es don de Dios y conquista nuestra. Con esta «agenda utópica» en la mano y en el corazón, queremos «dar razón de nuestra esperanza»; anunciamos e intentamos vivir, con humildad y con pasión, una esperanza coherente, creativa, subversivamente transformadora.

Pedro CASALDÁLIGA

Para probar si sos human@


UTOPÍAS


Cómo voy a creer / dijo el fulano
que el mundo se quedó sin utopías

cómo voy a creer
que la esperanza es un olvido
o que el placer una tristeza

cómo voy a creer / dijo el fulano
que el universo es una ruina
aunque lo sea
o que la muerte es el silencio
aunque lo sea

cómo voy a creer
que el horizonte es la frontera
que el mar es nadie
que la noche es nada

cómo voy a creer / dijo el fulano
que tu cuerpo / mengana
no es algo más de lo que palpo
o que tu amor
ese remoto amor que me destinas
no es el desnudo de tus ojos
la parsimonia de tus manos
cómo voy a creer / mengana austral
que sos tan sólo lo que miro
acaricio o penetro

cómo voy a creer / dijo el fulano
que la útopia ya no existe
si vos / mengana dulce
osada / eterna
si vos / sos mi utopía


___________________________________________
Escrito por "Mario Benedetti"
Tomado de "Praxis del fulano" del libro "Las soledades de babel"

Verdaderos Liderazgos

Verdaderos Liderazgos